BRASIL VENCE PANAMÁ E FAZ HISTÓRIA NO BEISEBOL MUNDIAL

          Após três jogos surpreendentes e de forma invicta e convincente, o Brasil conquista pela primeira vez a qualificação para o mundial  beisebol, a World Baseball Classic 2013.

 

          Já na sua estréia o Brasil venceu o time da casa o Panamá por 3×2, e na sequencia a Colombia por 7×1, classificando-se para a grande final contra nada mais que os donos da casa o Panamá, que após a derrota para o Brasil na teve que trilhar com grande competência a repescagem, ganhando a passagem a final.

 

          O jogo Brasil x Panamá, foi um jogo truncado desde o começo, ambos estudando o adversário, procurando evitar qualquer erro, pois seria fatal. E foi assim de forma bem brasileira, sofrida e conquistada com suor que a seleção brasileira soube manter a calma e foco no jogo, aproveitando os erros do Panamá, na terceira entrada Marcio Tanaka iniciou o ataque com uma bela rebatida linha no jardineiro central, porém, Ruben Rivera estava bem posicionado e fez uma boa defesa eliminado Marcio Tanaka; na sequencia Paulo Orlando rebateu um hit simples no campo esquerdo conquistando a primeira base, Leonardo Reginatto deu uma boa e forte rebatida no campo central conquistando a primeira base e impulsionando Paulo Orlando para terceira base; Yan Gomes rebateu para o alto no campo central, porém, a defesa panamenha errou o lance deixando a bolinha cair – Yan Gomes conquista a primeira base, Leonardo Reginatto conquista a segunda base e Paulo Orlando anota o único ponto da partida. Na sequencia Reinaldo Sato rebate um batida simples sobre a primeira base se salva e impulsiona Leonardo Reginatto para terceira base e Yan Gomes para segunda base; bases cheias porém, o ataque de Daniel Matsumoto e JC Muniz não conseguiram dar sequencia sendo superado pelo arremessador panamenho com strikeout. A partida voltou a ficar parelho até a nona entrada com grande trabalho dos arremessadores e defesa.

 

          Na nona entrada a vitória brasileira voltou a ser ameaçada, Isaias Velasquez ganhou a primeira base com um walk; Ruben Tejada foi para o toque de sacrificio, sendo eliminado na primeira base, porém impulsionando Isaias Velasquez na segunda base. A seleção brasileira substituiu o arremessador Murilo Gouveia por Thyago Vieira. Carlos Ruiz faz uma rebatida indefensável entre a terceira base e o interbases, impulsionando Isais Velasquez para a terceira base rumo ao ponto de empate. Carlos Ruiz foi substituido por Jahdiel Santamaria a fim de por mais velocidade na corrida. Uma eliminação corredores na terceira e primeira base. E Thyago Vieira consegue um strikeout sobre Carlos Lee, porém Jahdiel Santamaria conquista a segunda base. Duas eliminações, Brasil vencendo por 1 ponto, Panamá no ataque com corredores na terceira e segunda bases. Ruben Rivera x Thyago Vieira chegam a 3 bolas e 2 strikes e dua eliminações, mais um strike determina a classificação para o Brasil, uma batida simples determina o empate ou a virada do Panamá, e… Thyago Vieira fecha o jogo com strikeout.

 

          Jogo tenso, mas, muito bem jogado e vencido nos detalhes, típico de um brasileiro foi assim que o Brasil conquistou a inédita qualificação a WBC 2013 e jogará em março contra as 11 melhores equipes do mundo.

 

Fonte: Jornal Nippak
20/11/2012
[Verso para impresso]
  BY COMBR